Liturgia diária: 27ª Semana do Tempo Comum – Terça-feira – 10/10/2017

Primeira Leitura: Profecia de Jonas (Jn3,1-10)

Conversão contra toda expectativa – A palavra de Javé foi dirigida a Jonas pela segunda vez, ordenando: “Levante-se e vá a Nínive, a grande cidade, e anuncie-lhe o que vou dizer a você”. Jonas se levantou e foi a Nínive, conforme Javé lhe tinha ordenado. Nínive era uma cidade fabulosamente grande: tinha o comprimento de uma caminhada de três dias. Jonas entrou na cidade e começou a percorrê-la, caminhando um dia inteiro. Ele dizia: “Dentro de quarenta dias, Nínive será destruída!”

Os moradores de Nínive começaram a acreditar em Deus, e marcaram um dia de penitência, vestindo-se todos de pano de saco, desde os maiores até os menores. O fato chegou também ao conhecimento do rei de Nínive. Ele se levantou do trono, tirou o manto, vestiu um pano de saco e sentou-se em cima da cinza. Mandou também publicar e anunciar aos ninivitas um decreto do rei e de seus ministros, nestes termos: “Homens, animais, gado e ovelhas não poderão comer nada, nem pastar, nem beber água. Deverão vestir pano de saco, tanto homens como animais; e todos clamarão a Deus com toda a força. Cada um deverá converter-se de sua má conduta e deixar de lado toda espécie de ações violentas. Quem sabe, assim, Deus volte atrás, fique com pena, apague o ardor de sua ira, e a gente consiga escapar”.

Deus viu o que eles fizeram e como se converteram de sua má conduta; então, desistiu do mal com que os tinha ameaçado, e não o executou.

Opinião – Jonas, já tendo aprendido sua lição, dessa vez faz como Deus manda, e vai avisar a cidade de Nínive sobre a sua sentença. Pois bem, os moradores de Nínive se arrependem de seus modos e se desapegam e pagam penitencia por eles, tentando em uma ultima esperança evitar a sentença divina, e isso funciona, Deus mostra ser misericordioso, demonstrando que se nos arrependermos de coração dos nossos erros e adequarmos nossos modos, aderindo ao projeto de vida plena Dele, não seremos punidos por Ele, pelos nossos erros passados.

Salmo Responsório (Sl 129)

— Se levardes em conta nossas faltas, quem haverá de subsistir?

Se levardes em conta nossas faltas, quem haverá de subsistir?

— Das profundezas eu clamo a vós, Senhor, escutai a minha voz! Vossos ouvidos estejam bem atentos ao clamor da minha prece!

Se levardes em conta nossas faltas, quem haverá de subsistir?

— Se levardes em conta nossas faltas, quem haverá de subsistir? Mas em vós se encontra o perdão, eu vos temo e em vós espero.

Se levardes em conta nossas faltas, quem haverá de subsistir?

— Espere Israel pelo Senhor mais que o vigia pela aurora! Pois no Senhor se encontra toda graça e copiosa redenção. Ele vem libertar a Israel de toda a sua culpa.

Se levardes em conta nossas faltas, quem haverá de subsistir?

Opinião – salmo continua com a mensagem de que Deus é misericordioso, pois do contrario nós não iríamos viver por muito tempo, já que somos pecadores em nossa essência, e só aceitando a Palavra de maneira ativa e verdadeira poderemos desfrutar de nossas vidas de uma maneira correta, sem a punição de Deus.

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas (Lc 10,38-42)

Ouvir a palavra de Jesus – Enquanto caminhavam, Jesus entrou num povoado, e certa mulher, de nome Marta, o recebeu em sua casa. Sua irmã, chamada Maria, sentou-se aos pés do Senhor, e ficou escutando a sua palavra. Marta estava ocupada com muitos afazeres. Aproximou-se e falou: “Senhor, não te importas que minha irmã me deixe sozinha com todo o serviço? Manda que ela venha ajudar-me!” O Senhor, porém, respondeu: “Marta, Marta! Você se preocupa e anda agitada com muitas coisas; porém, uma só coisa é necessária, Maria escolheu a melhor parte, e esta não lhe será tirada.”

Opinião – temos nossas obrigações, nossos deveres, nossos costumes, mas perante aos ensinamentos de Deus, a Palavra e a Sabedoria continua nela, tudo isso fica em segundo plano, devemos portanto saber escolher o que realmente é importante em nossas vidas, evitando desperdiça-las.

Na homilia de hoje o Padre Roger Araújo expande essa importancia de Jesus, de escolhermos ouvir a ele em primeiro lugar, destacando a frase: “Que saibamos fazer escolhas essenciais, e a primeira delas é escolher estar aos pés de Jesus.”

Uma boa noite a todos.

Textos leituras: Bíblia Sagrada – edição Pastoral – Editora Paulus 1990, 65º impressão
Disponível em: http://www.paulus.com.br/biblia-pastoral/_INDEX.HTM

Salmo: Canção nova. Disponível em https://liturgia.cancaonova.com/liturgia/27a-semana-tempo-comum-terca-feira/?sDia=10&sMes=10&sAno=2017