Liturgia diária: 24ª Semana do Tempo Comum – Segunda-feira – 18/09/2017

Primeira Leitura: Primeira Carta de São Paulo a Timóteo (1Tm 2,1-8)

Deus quer salvar a todos – Antes de tudo, recomendo que façam pedidos, orações, súplicas e ações de graças em favor de todos os homens, pelos reis e por todos os que têm autoridade, a fim de que levemos uma vida calam e serena, com toda a piedade e dignidade. Isso é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador. Ele quer que todos os homens sejam salvos e cheguem ao conhecimento da verdade. Pois há um só Deus e um śo mediador entre Deus e os homens: Jesus Cristo, homem que se entregou para resgatar a todos. Esse é o testemunho dado nos tempos estabelecidos por Deus, e para o qual eu fui designado pregador e apóstolo – dia a verdade, não minto – , doutor das nações na fé e na verdade. Quero, portanto, que os homens orem em todo lugar, erguendo mãos limpas, sem ira e sem discussões.

Opinião – uma instrução a orarmos pedirmos não só por nós e pelos nossos próximos, mas por todos da comunidade, inclusive os mais poderosos, pois eles estando seguindo o Caminho de Deus, as comunidade poderá se desenvolver mais rapidamente e melhor, nada então de ficar amaldiçoando aqueles que tem mais posses ou poder do que nós, todos merecemos as dadivas e também o julgamento de Deus.

Salmo Responsório (Sl 27)

– Bendito seja o Senhor, porque ouviu o clamor da minha súplica!

Bendito seja o Senhor, porque ouviu o clamor da minha súplica!

– Escutai o meu clamor, a minha súplica, quando eu grito para vós; quando eu elevo, ó Senhor, as minhas mãos para o vosso santuário.

Bendito seja o Senhor, porque ouviu o clamor da minha súplica!

– Minha força e escudo é o Senhor, meu coração nele confia. Ele ajudou-me e alegrou meu coração; eu canto em festa o seu louvor.

Bendito seja o Senhor, porque ouviu o clamor da minha súplicas!

– O Senhor é a fortaleza do seu povo e a salvação do seu Ungido. Salvai o vosso povo e libertai-o; abençoai a vossa herança! Sede vós o seu pastor e o seu guia pelos séculos eternos!

Bendito seja o Senhor, porque ouviu o clamor da minha súplica!

Opinião – salmo que realça as ações de Deus em nossa vida quando enfrentamos dificuldades e aceitando o Conhecimento da sua palavra nos Desenvolvemos, crescemos, progredimos, sempre com a sua orientação, a sua liderança.

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas (Lc 7,1-10)

A fé não tem fronteiras – Depois que terminou de falar todas essas palavras ao povo que o escutava, Jesus entrou na cidade de Cafarnaum. Havia aí um oficial romano que tinha um empregado, a quem estimava muito. O empregado estava doente, a ponto de morrer. O oficial ouvir falar de Jesus, e enviou alguns anciãos dos judeus, para pedir a Jesus que fosse salvar o empregado. Chegando onde Jesus estava, pediram-lhe com insistência: “O oficial merece que lhe faças esse favor, porque ele estima o nosso povo, e até construiu uma sinagoga para nśo.” Então Jesus pôs-se a caminho com eles. Porém, quando já estava perto da casa, o oficial mandou alguns amigos dizer a Jesus: “Senhor, não te incomodes, pois eu não sou digno de que entres em minha casa; nem sequer me atrevi a ir pessoalmente ao teu encontro. Mas dize uma palavra, e o meu empregado ficará curado. Pois eu também estou sob a  autoridade de oficiais superiores, e tenho soldados sob minhas ordens. E digo a um: Vá, e ele vai; e a outro; Venha, e ele vem; e ao meu empregado: Faça isso, e ele o faz.” Ouvindo isso, Jesus ficou admirado. Voltou-se para a multidão que o segui e disse: “Eu declaro a vocês que nem mesmo em Israel encontrei tamanha fé.” Os mensageiros voltaram para a casa do oficial e encontraram o empregado em perfeita saúde.

Opinião – Passagem que demonstra como a nossa fé pode ser usada não somente para o nosso bem direto, mas também para queles que queremos bem, e assim também devemos expandir ela a todos e todas, a sociedade, a comunidade como um todo.

A homilia de hoje pelo Padre Roger Araújo traz um paralelo interessantes entre as passagens de hoje e o momento politico atual do pais e do mundo: não devemos só ficar xingando os políticos, devemos sim sermos melhores homens e mulheres, afinal eles são um pequeno exemplo da população, e orarmos por todos aqueles que queremos criticar e mal dizer. Deixando nosso lado de criticos, e pedindo a luz de Deus na vida deles, nos tornamos melhores e solicitamos a Deus que interceda na vida dessa pessoas. Se nem Deus conseguir dar um jeito neles, como estamos nos tornando melhores, poderemos escolher melhor representantes nas próximas eleições, sempre com pensamento e fé ATIVOS, nada de passividade.

Uma boa noite a todos.

Textos leituras: Bíblia Sagrada – edição Pastoral – Editora Paulus 1990, 65º impressão
Disponível em: http://www.paulus.com.br/biblia-pastoral/_INDEX.HTM

Salmo: Canção nova. Disponível em http://liturgia.cancaonova.com/liturgia/24a-semana-tempo-cpo/?sDia=18&sMes=09&sAno=2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.