Manual de Epicteto – Enchiridion – 33c

XXXIIIc. Não permita que sua risada seja muita, nem em muitas ocasiões, ou profusa.

Opinião – não devemos ficar gargalhando, dando risada de tudo na vida, pois assim nossa reação fica caricata, exaustiva e batida. Demos rir, gargalhar nos momentos certos, sem exageros, sem empolgação além da necessária e adequada ao momento e situação.

N.T: tradução minha a partir do texto de Elizabeth Carter disponível em http://classics.mit.edu/Epictetus/epicench.html.
Esse é um trabalho de pratica do meu inglês e também para conhecimento maior da Obra de Epicteto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.